tradutor

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Quem Somos Nós...O que fazemos Nós...

Pastora Márcia nascimento


Professora, psicopedagoga clínica e institucional,musicista, técnica em computação. Estrategista em missões transculturais.
Presidente da Fundação Red Horses- Para conhecer mais acesse www.redhorsesgroup.blogspot.com.

Contribuições:
Banco Bradesco -Ag 1599-7
conta 0211827-0

Marcia Maria Nascimento de Souza

Você se Importa...

DOAÇÕES

Notícias SBB

Um Milagre para Guiné Bissau

Quem sou eu

Minha foto

 ministra do evangelho, com experiência e alvos relacionados a missões nacionais, culturais e transculturais, bem como transnacionais.

Ministrar a mulheres em situações de risco.Treinar mulheres na Costa Oeste Africana, para geração de renda e melhoria da educação formal e familiar.

Seguidores

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Guiné Bissau: Campo Missionário da Família Branco

Contagem Regressiva, para Guiné Bissau!
Nossa família continua se preparando para atender aderquadamente ao chamdo do Todo Poderoso, e servir aos nossos irmãos da mellhor maneira.

 Convidamos vocâ  a conhecer melhor o nosso projeto, que na fase inicial nos levará por 4 anos a esta nação.
Já estivemos anteriormente em viagens de curto período e pesquisa, mapeamento sociológico, a fim de traçarmos diretrizes com a coordenação do EspíritoS, apoio dos Parceiros em Missões e de nossa igreja, bem como de outros parceiros que Deus está a levantar....
Contatos são possíveis atrav´s do telefone 081- 3033-4568/ 86354564/86760522
Pr. Paulo Branco, Pra Márcia Branco e David, Deborah, Gabriel.
Contamos com suas orações

sexta-feira, 15 de abril de 2011

MENINAS REFUGIADAS EM GUINÉ BISSAU....(Fuga ao casamento precoce) A primeira etapa de ajuda chegou....

Caetano Indami

 para José, mim
mostrar detalhes 14:37 (17 horas atrás)

Ola querido Pastor Xavier e Pra Marcia!
Envio este para confirmar a recepçao dos 1400 Reais que mandaram, fnalmente chegou as nossas as maos garças a Deus!.
Por isso agradecemos do fundo do coraçao este vosso generoso gesto, e paciencia em como faze-la chegar ao destino.
Realmente chegou na boa hora, pois uma parte vai para pagar as proprinas ( Em Guiné Bissau propina é o pagamento regular mensal da escola)* das Escolas das meninas, outra parte para ajudar com  sustento das mesmas, e outra parte paras comprar coisass de uso pessoal delas.
Garanto que brevemente vou enviar  fotografias delas para confirmar io que estao fazendo  neste momento.
Para terminar, quero mais uma vez agadecer de fundo do coraçao este gesto.
Muuito obrigado, que Deus abençoe.
No amor em Cristo
Pr. Caetano e Joana Indami
*EScolas e hospitais Em Guiné Bissau, são públicos, mas não gratuitos...

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Guiné Bissau- Orando Pelas fronteiras

Crise na fronteira entre Senegal e Gâmbia afeta Guiné-Bissau

Em vista da gravidade do assunto, o presidente bissau-guineense, Malam Bacai Sanhá, foi solicitado para encontrar uma solução.
Da Redação, com Pana
Bissau - A crise na fronteira entre a Gâmbia e o Senegal está a afetar o abastecimento normal de mercadorias ao mercado da Guiné-Bissau, disse nesta quinta-feira uma fonte da Câmara de Comércio, Indústria e Agricultura (CCIA), em Bissau.

O presidente da CCIA, Braima Camará, disse que, em vista da gravidade do assunto, o presidente bissau-guineense, Malam Bacai Sanhá, foi solicitado para encontrar uma solução.

Braima Camará afirmou que os comerciantes bissau-guineenses informaram que vários camiões estão bloqueados na fronteira entre a Gâmbia e o Senegal.

A Gâmbia é um enclave no território do Senegal e possui um importante porto de escoamento de produtos para os países vizinhos, nomeadamente o Senegal e a Guiné-Bissau.

Entretanto, o desentendimento entre as autoridades fronteiriças gambianas e senegalesas originou igualmente a paralisação da jangada que faz a ligação entre os dois países, impedindo assim a passagem de camiões em direção à Gâmbia e a Guiné-Bissau.
Àfrica 21-Digital

ADOTE ESTE POVO:

Os fulas eram pastores de gado e ovelhas que no século XV entraram no ocidente da África. Alguns ficaram e passaram a dedicar-se à agricultura adotando a organização social dos mandingas e dos chamados fulacundas ou fulaforros. Devido a uma guerra travada no século XIX outros fulas vindos do norte começaram a imigrar com escravos de origens distintas chamados fulas "negros". Isso resultou em uma sociedade de classes estratificadas sendo os fula forros os "livres" e os fulacundas os "escravos"

Estatísticas

O POVO

Nome do Povo: Fulacunda
País: Guiné-Bissau
Sua língua: Fulacunda
População: 180000
Maior Religião: Islamismo
Cristãos: .03%
Escrituras disponíveis em sua Língua: Porções Bíbl
Evangélicos (desse povo no país): 70 (.04%)
.

Carta da Missionária Eugênia : Guiné- Bissau!

De:
Eugenia Yatibuto Bedeslei

A paz do Senhor!
Boas Festas e feliz 2010.
Peço desculpas pelo silêncio prolongado da minha parte é porque não
foi nada fácil o último trimestre passado, senti mesmo a força das
vossas orações me sustentando. O médico aqui descubriu que o meu pai
estava com tumor mas aqui na Guiné não tem aparelhos para descobrir se
o tumor é maligno ou não e eu não tenho recursos para levar o meu pai
para fora do País, foi muito difícil para mim, mas como ele estava com
muitas dores, orei e depois Deus tocou no coração de um irmão e ele me
emprestou o dinheiro aí liberamos o médico para fazer cirurgia e
graças a Deus correu bem eu creio, simplesmente eu tenho que crer e
mais nada. Graças as vossas orações estamos aqui indo na graça de
Deus.
Estamos indo muito bem nos encontros das Filhas de Sara mas este ano
decidimos colocar esses encontros uma vez por mês porque as irmãs
todos os sábados tinham que estar fora das suas casas porque tem
outras actividades além das Filhas de Sara e aquelas que são casadas
com homens que não são crentes estavam tendo problemas com seus
maridos. Orem por nós aqui porque o diabo está atacando muito as irmãs
porque o trabalho está correndo muito bem mas não vamos temer o diabo
com seus demónios já estamos certas de que já vencemos simplesmente
temos que ser prudentes.
Orem muito pelas irmãs: Muscuta, Elimiana e Marlem. A Marlem o marido
bateu nela no sábado passado dia 9 do corrente e deixou ela fora de
casa durante a noite e eu sem poder fazer nada simplesmente estava
orando a noite e falando com ela durante a noite para a encorajar
porque ela estava muito triste e desanimada. Orem todos os dias por
nós principalmente por essas irmas e seus maridos, está muito
complicado e muita coisa pra mim.
Amo muito vocês e acredito muitas irmãs viram para o nosso acampamento
para ajuntar-se conosco e nos ajudar. Até breve se Deus quiser.
Sejam sempre perseverantes na ob ra do Senhor ... Coloss. 3:23. Neemias 4:20